13 DEZ | ASSEMBLEIA GERAL

assembleiageral

Assembleia Geral da SINDUFFS 

Quinta  13 de dezembro – 17h
*Por videoconferência

Pauta:
Informes
Eleição de delegados para o 38º Congresso do ANDES-SN
Diretrizes para 2019

Locais: 
Cerro Largo: Sala 233 – Bloco dos Professores
Chapecó: Sala 101 – Bloco dos Professores
Erechim: Sala 310 – Bloco A
Laranjeiras do Sul: Sala 201 – Bloco dos Professores
Passo Fundo: Sala 209 – Pavimento Superior
Realeza: Sala de Convivências – Bloco dos Professores

O Congresso do ANDES-SN ocorrerá entre os dias 28 de janeiro e 2 de fevereiro em Belém e tem como tema central “Por Democracia, Educação, Ciência, Tecnologia e Serviços Públicos: em defesa do trabalho e da carreira docente, pela revogação da EC/95”. Nossa Seção Sindical pode indicar 2 delegados. No link abaixo é possível conhecer mais detalhes do Congresso, em especial o caderno com os textos e proposições a serem debatidas.

http://portal.andes.org.br/secretaria/manual/eventos/2019/38congresso/index.html

Nesta assembleia propomos aprovar diretrizes para o planejamento do próximo ano, tendo em vista as ameaças que pairam sobre a universidade pública. Ataques à liberdade de expressão dos professores e ameaças de censura se somam à anunciada redução das verbas para a instituições federais de ensino. Mais do que nunca será necessário estarmos organizados e mobilizados para resistir. 

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

25 NOV | PEDRO MUNHOZ

WhatsApp Image 2018-11-16 at 13.07.12(1)

A SINDUFFS convida a todos/as para o lançamento de DVD e livro POEMAIS E OUTRAS CANÇÕES URGENTES de PEDRO MUNHOZ que se realizará no próximo domingo, dia 25, às 18 horas, no Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Chapecó e Região, na Rua Rui Barbosa, ao lado da Caixa Econômica Federal, no Centro de Chapecó.

Contribuição Espontânea: R$ 10,00

Mais informações: (49) 991.620.013 / 984.258.464

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

Em todo o país, universidades são alvo de ações policiais e da Justiça Eleitoral

faxia_censurada_uff[1]Manifestações em defesa da democracia e contra o fascismo estão sendo interpretados como propaganda eleitoral negativa a candidato de ultradireita

Nas últimas 72 horas, universidades e sindicatos de docentes, em todo o país, sofreram com ações de policiais e da Justiça Eleitoral. Foram casos coação e perseguição por atividades em defesa da democracia. Até o momento, a reportagem apurou que, em todo Brasil, 18 instituições de ensino e ao menos três sindicatos de docentes foram censurados ou sofreram alguma coação pela Justiça Eleitoral.

Em sua maioria, as decisões judiciais sustentam que estariam coibindo supostas infrações à legislação eleitoral. Contudo, em todos os casos tratavam-se de manifestações em defesa da democracia e contra o fascismo, que estão sendo interpretados como propaganda eleitoral negativa a candidato de ultradireita. Há relatos de que debates e aulas sobre esses temas foram proibidos. Continuar a ler

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized